7

 

 

Vamos conhecer o conceito de cada um desses tópicos. Vamos começa primeiro pela contracultura.

ContraCultura –  É um movimento que teve seu auge na década de 1960, quando teve lugar um estilo de mobilização e contestação social e utilizando novos meios de comunicação em massa. Jovens inovando estilos, voltando-se mais para o anti-social aos olhos das famílias mais conservadoras, com um espírito mais libertário, resumido como uma cultura underground, cultura alternativa ou cultura marginal, focada principalmente nas transformações da consciência, dos valores e do comportamento, na busca de outros espaços e novos canais de expressão para o indivíduo e pequenas realidades do cotidiano, embora o movimento Hippie, que representa esse auge, almejasse a transformação da sociedade como um todo, através da tomada de consciência, da mudança de atitude e do protesto político.

Partindo para o campo das práticas culturais, também podemos notar que o desenvolvimento de costumes vão justamente contra os pressupostos comungados pela maioria. Foi nesse momento em que passou a se trabalhar com o conceito de “contracultura”, definidor de todas as práticas e manifestações que visam criticar, debater e questionar tudo aquilo que é visto como vigente em um determinado contexto sócio-histórico.

Ética Hacker –  É o termo que descreve os valores morais e filosóficos na comunidade hacker. O principio da cultura hacker e sua filosofia originaram-se no Instituto de Tecnologia de Massachusetts entre os anos 1950 e 1960. O termo Ética Hacker foi atribuído pelo jornalista Steven Levy conforme descrito no seu livro intitula do Hackers: Heroes of the Computer Revolution publicado em 1984. As diretrizes da ética hacker ajudam a esclarecer como os computadores evoluíram para os dispositivos pessoais que usamos e nos quais confiamos hoje em dia. O movimento do software livre nasceu de seguidores da ética hacker nos anos 80. Seu fundador, Richard Stallman, é referido por Steven Levy como “o último verdadeiro hacker “.2 Hackers modernos que aderem à ética hacker, especialmente os mais ativos, são geralmente adeptos ao software livre e código aberto. Isso ocorre porque o software livre e o código aberto permitem ao hackers acessar o código-fonte usado para criar o software, permitindo que este seja melhorado ou reutilizados em outros projetos.

Computadores Pessoais –

Um computador pessoal ou PC (do inglês Personal Computer) é um computador de pequeno porte e baixo custo, que se destina ao uso pessoal ou por um pequeno grupo de indivíduos. A expressão “computador pessoal” (ou sua abreviação em inglês PC, de “Personal Computer”) é utilizada para denominar computadores de mesa (desktops), laptops, PDAs ou Tablet PCs, executando vários Sistemas Operacionais em várias arquiteturas. Os Sistemas Operacionais predominantes são Microsoft Windows, Mac OS X e os sistemas baseados em Linux, e as principais arquiteturas são as baseadas nos processadores x86, x64 e PowerPC.

No entanto o termo PC tem sido utilizado apenas para computadores pessoais derivados do modelo da IBM, o IBM PC, devido a larga campanha publicitária em 1981. A actual convergência entre PCs e palmtops, celulares e dispositivos móveis que possuem funções similares, sistemas operacionais e componentes leva a uma discussão sobre a extensão do termo “computador pessoal” a esses dispositivos. A compreensão do vocabulário informático representa geralmente a principal dificuldade com a qual chocam os potenciais compradores de computadores pessoais.

O primeiro computador pessoal de utilização fácil a ser comercializado foi o LISA, da Apple. O LISA tinha uma interface gráfica (criada a partir de um protótipo da·Xerox) com um rato para executar os comandos. Esse computador custava 10 000 dólares. Mais tarde, o LISA foi substituído pelo mais economico Apple Macintosh.

Referencias

1. http://www.mundoeducacao.com/sociologia/contracultura.htm

2. http://www.infoescola.com/cultura/contracultura/

3. http://www.suapesquisa.com/musicacultura/contracultura.htm

4. http://pt.wikipedia.org/wiki/Contracultura

5. http://pt.wikipedia.org/wiki/%C3%89tica_hacker

6. http://www.paraentender.com/internet/etica-hacker

7. http://pt.wikipedia.org/wiki/Computador_pessoal

8. http://windows.microsoft.com/pt-br/windows/introduction-to-computers#1TC=windows-7

9. http://pt.kioskea.net/contents/394-pc-computador-pessoal

10. http://mariovagarinho.com/docstic/Ficha5.pdf

Anúncios